FÉ - GRAÇA DE DEUS E CONQUISTA DO HOMEM

A fé é um dom gratuito de Deus, oferecido a todos os homens e mulheres, sem exceção. Percebe-se que quando São Pedro confessa Jesus Cristo Filho de Deus vivo, ele declara que esta revelação não lhe veio “da carne ou do sangue, mas de meu Pai que está nos Céus”. A fé é um dom de Deus, uma virtude sobrenatural infundida por Ele.

Crer só é possível pela graça e pelos auxílios interiores do Espírito Santo. Mas não é menos verdade que crer é um ato autenticamente humano.

Passos nos caminhos fé. A vivência Sacramental. Buscar os sacramentos da Confissão e da Comunhão, mesmo não tendo vontade, e não realizá-los por sentimento. Santa Tereza d’Ávila ensinava que quando se tem vontade de ir à missa, vá; nunca deixar de ir quando não se tem vontade. É neste prezado momento que vai pela fé. Portanto, não é questão de deixarmos levar pelo prazer ou vontade, vai mais além, é uma questão de atitude. Seria muito pobre se deixarmos relacionar a fé aos sentimentos de estarmos com vontade ou não. A caridade. A realização da caridade nos ajuda a aumentar cada vez mais a fé.

Quando nossas preces não são atendidas por Deus é por falta de fé? Quem sabe, pode ser que sim. A fé é a medida da graça. Marcos no seu Evangelho nos relata que Jesus ficou impossibilitado de realizar muitos milagres por ficar impressionado com a falta de fé do povo (Mc 6, 1-6). Muitas vezes nossas orações não estão de acordo com a necessidade de uma prece. Deus atende só na certeza que o pedido ao qual realizará não nos venha fazer mal.

Quantas vezes, diante das tribulações, tempestades e limitações, pedimos o que seria mais fácil para resolver nossa situação no momento. Deus vê e atende somente o que precisamos e o melhor para cada um. Mas, diante das orações, precisamos peneirar o que é nossa vontade, o que é capricho, e buscar realmente o necessário. Deus opera na gratuidade para aquele que tem fé.

Porém, se não buscarmos a cada dia estimular a nossa fé através de leituras e reflexão da Bíblia, para conhecer e viver melhor os ensinamentos de Cristo, a fé pode acabar. Conclui-se que, para a fé não acabar, é preciso dar combustível a cada momento. Este combustível é a Palavra de Deus, Caridade, Oração e Esperança. Diante das nossas orações, peçamos ao Pai que aumente a nossa fé e a mantenha alimentada e enraizada na Igreja.

Fábio Oliveira -

3º ano de Filosofia

FÉ - GRAÇA DE DEUS E CONQUISTA DO HOMEM
 
25 Anos da Diocese de Guanhães
X